fbpx

Saiba mais sobre o hotel de 3000 quartos que nunca recebeu hóspede algum

Publicidade

A Coreia do Norte pode ser considerado o país mais discreto e fechado do mundo, muitos mistérios que cercam o país são muito bem guardados, devido ao regime ditatorial ali existente.

Publicidade

Mas a história do Hotel Ryugyong se tornou conhecida no mundo todo, pois o prédio possui 105 andares, 3.000 quartos, 08 restaurantes e diversos cassinos e boates. Construído para ser o símbolo do país coreano, ele nunca foi inaugurado e nem mesmo abrigou qualquer hóspede, seria o local amaldiçoado?

Sua história começa no ano de 1987, quando o ditador do país deu início ao projeto de construção daquele que seria o maior prédio do mundo à época. A intenção era construir um belo edifício em forma de pirâmide, para se tornar a joia do país e desafiar a vizinha capitalista, ele seria inaugurado em 1989.

Todavia, os prazos não foram cumpridos e os problemas começaram  já em 1991, quando o País ainda construía o hotel. A queda da URSS e um grave crise econômica atingiram o a Coreia do Norte e 25 milhões de coreanos passavam fome. Era difícil manter a construção de um empreendimento tão caro enquanto as pessoas morriam por não ter o que comer.

A construção acabou interrompida e a joia da Coreia do Norte ficou abandonada por 32 anos, sem clientes e investidores.

Após anos abandonado, no ano de 2008 a ORASCOM,  uma companhia de telecomunicações egípcia que atua no país, decidiu fazer uma operação de reconstrução no local com a finalidade de terminar o hotel e implantar outras comodidades.

Publicidade

Foram investidos 400 milhões de dólares na obra, do total, 180 milhões foram gastos para revestir o exterior do prédio com espelhos azuis. Mas embora o hotel tenha ficado pronto por fora, por dentro ele ainda estava vazio, sem conteúdo. Novamente não haviam interessados em ocupar o local.

Até hoje o local não possui rede de energia elétrica e chegou a ser eleito o pior prédio da história da humanidade por uma revista.

Finalmente a inauguração?

No entanto, o líder norte-coreano Kin Jong-Un lançou uma campanha em 2018 pela sua inauguração. Revestindo o exterior com milhares de lâmpadas de LED que formam a bandeira do país e transmitem propagandas. O local pode ser visto de qualquer lugar da capital.

Embora não tenha sido divulgada a data da inauguração, as expectativas ficaram para 30 de dezembro de 2019, quando o ditador completaria aniversário.

Ou ainda, para 08 de janeiro de 2020 quando ele completaria 08 anos de governo. Mas a tão esperada inauguração não ocorreu em nenhuma das datas esperadas e o público aguarda até hoje.

Publicidade

Share