Hotel flutuante inovador fornecerá muito luxo e uma visão incrível da aurora boreal na Suécia

Publicidade

Você brevemente poderá ter as férias dos seus sonhos, além da fuga do cotidiano neste resort que será inaugurado na Lapônia sueca. Isso por que ele está literalmente flutuando em um rio no meio do nada. O ArcticBath<é um novo hotel à deriva no rio Lule no norte escandinavo – um refúgio glacial de florestas com neve, pesca de classe mundial, vida selvagem incrível e as famosas luzes do norte.

Publicidade

O resort é do time por trás do aclamado Treehotel da região – a ideia peculiar dos proprietários Britta e Kent Lindvall, situada entre o dossel da floresta. O ArcticBath oferecerá uma mistura semelhante de luxo e natureza – inspirada no ambiente selvagem e deslumbrante da Suécia.

O design incomum do ArcticBath tem um histórico interno. “Você não precisa copiar coisas feitas em outro lugar, não é interessante”, diz o articulador do ArcticBath, Bertil Harström – que trabalhou no projeto ao lado de Johan Kauppi.

“Eu acho que as coisas interessantes vêm da sua própria história e do seu passado.” Bertil Harström conta à CNN Travel que o design maluco é inspirado nas tradições suecas de transporte de madeira.

Até meados do século 20, os troncos transportavam-se ao longo dos cursos de água suecos. No caminho, a madeira muitas vezes ficava presa nas corredeiras e formava aglomerados de troncos flutuantes.O arquiteto recordou essa imagem de sua infância – e se tornou sua principal inspiração para o novo design.

Publicidade

“Foi um símbolo para essa época”, diz Harström. “Então escolhi construir essa ideia em torno da conexão com a floresta no norte”.

A estrutura circular resultante é uma combinação impressionante de influências artificiais e naturais.

“Eu não me chamo de designer sofisticado ou de um arquiteto intelectual, trabalho com estruturas mais conceituais”, diz Harström.

Concebido pela equipa do vizinho Treehotel, este hotel de 12 quartos foi concebido pelos arquitetos Bertil Harström e Johan Kaupp e visa aproveitar as estações extremas do Ártico. Construído com materiais locais e com muito pouco impacto sobre o meio ambiente, o design circular do edifício principal é centrado em torno de uma piscina ao ar livre.

O edifício principal é acessado por uma passagem e abriga o restaurante, lounge bar, quatro saunas, a sala de tratamento de spa, vestiários e uma pequena loja. O centro de bem-estar oferece massagens, tratamentos com pedras quentes, limpeza, desintoxicação e relaxamento. Um banho quente está disponível para aliviar os músculos entre os banhos frios na piscina.

Todos os quartos possuem Wi-fi, ar-condicionado e aquecimento, e o hotel oferece ainda outros seis quartos em terra firme.

Mas a principal atração do Arctic Bath não é o hotel em si, e sim os céus. Afastado das grandes cidades, o local é um ponto privilegiado para a observação das auroras boreais.

Bem interessante não achas?

Publicidade

Share