Elefante bebê sem tromba, corre sério risco de vida na Natureza

A triste ralidade de um pequeno elefante que possivelmente perdeu sua tromba em um ataque.

0 849
Publicidade

A tromba é uma das características físicas que mais definem os elefantes e é também uma ferramenta muito importante quando se trata de suas vidas diáriamente. Além de ser uma parte do corpo fascinante para observar; a tromba também possui várias funções vitais.

Publicidade

Entre outros propósitos, o elefante pode usar ela para se comunicar, agarrar e levantar objetos e até mesmo lutar contra outros elefantes.

Publicidade
É por isso que é tão triste ver um elefante jovem que está sentindo muito a falta dela. Longe de ser uma mera diferença estética, essa perda irá afetá-lo durante toda a vida na natureza.

As imagens capturadas pelos frequentadores do Safari no Parque Nacional Kruger, na África do Sul, em 1º de setembro, mostram um filhote de elefante sem tromba.

O jovem pode ser visto andando com sua família, com um membro adulto acariciando-o. Há claramente muito amor pelo pequeno elefante, mas os desafios que ele terá que enfrentar já são dolorosamente aparentes.

Não está claro exatamente como o elefante perdeu a mesma. No entanto, acredita-se que isso poderia ter sido causado por um ataque de um predador.

Crocodilos são conhecidos por morder as trombas dos bebês elefantes enquanto bebem no bebedouro, enquanto os leões também foram observados apertando os troncos quando atacam.

Também pode ser possível que o filhote novinho tenha caído na armadilha de algum caçador. Considera-se improvável que o animal tenha nascido assim.

Ele terá de lutar bastante para se defender dos predadores e será severamente restringido quando se trata de atividades como busca de alimento.

De acordo com a Eleaid:

Uma tromba funcional é absolutamente vital para a sobrevivência de um elefante.

É um órgão notável e apenas uma das razões pelas quais os elefantes são animais excepcionais.

Segundo a BBC, um elefante bebê chamado Mosha recebeu uma prótese em 2016 após pisar em uma mina terrestre na fronteira entre a Tailândia e Mianmar; dando-lhe uma nova chance na vida.

Não está claro se os trabalhadores do safári poderão ou não fazer alguma coisa para ajudar esse pequeno elefante. Só nos resta esperar.