fbpx

19 razões do por que viajar sozinho é sempre uma ótima ideia

Publicidade

Viajar sozinho é uma experiência que muda a vida. Richard Burton afirmou “O momento mais feliz da vida humana é a partida para terras desconhecidas”.

Viajar pode se adequar na categoria de hobby, mas é mais uma experiência. Viajamos para quebrar a rotina mundana monótona e nos preparar para o tempo à frente. Mas há certas coisas que surgem como bônus – lições de vida para a vida toda.

Publicidade

Embora viajar com amigos e familiares seja super divertido, as vantagens de viajar sozinho superam a primeira. Pois é tudo sobre ser um viajante e explorar as emoções nas estradas, montanhas e praias.

No artigo abaixo separamos 19 razões que tornam a viagem sozinho uma excelente ideia.

19 – O que é viajar sozinho?

Viajar sozinho não é apenas sair de casa, mas deixar o conforto e se expor a uma variedade de culturas, regiões, climas e pessoas um após o outro, sem se estabelecer.

Este é o seu primeiro passo para explorar novas situações.

18 – Viajar sozinho é se educar

Viajar sozinho não é uma opção, é uma escolha. Um modus operandi para educar-se em termos de diferentes línguas e culturas em todo o mundo.

Você deve aprender constantemente sobre diferentes lugares e suas tradições. Escreva sobre cada momento vivido que valeu a pena experimentar e compartilhe com seus amigos.

17 – Viaje sozinho para explorar

Viajar sozinho ajuda você a explorar ideias e perspectivas complexas de pessoas sobre o mundo para entendê-lo com melhor visão e missão.

Passe a câmera pelas ruas para capturar momentos, vidas e belos locais para atualizar suas redes sociais e sua coleção pessoal.

16 – Viajar só é ser aventureiro

Viajar sozinho é ser aventureiro o suficiente para transformar sua alma delicada em uma alma mais forte, apresentando-se a uma variedade de adversidades.

Essa jornada é mais como uma montanha russa que encolherá sua alma em determinado momento para testar seu nível de otimismo não lhe dando outra opção para desistir, mas para ser positivo e esperançoso em todos os picos e manter sua alma aquecida a cada queda e adquirir paz.

15 – Viajar sozinho é um desafio

Viajar sozinho e fazer coisas como trekking, camping e se alimentar com comida nada saudável, encontrar lugares para ficar sem reservas, lidar com diferentes idiomas e lidar com as condições climáticas dinâmicas permite enfrentar desafios.

14 – Viajar sozinho é informativo

Viajar sozinho é informativo. Isso o torna ciente de suas capacidades e oferece uma oportunidade de redefinir seus pensamentos e conceitos sobre vida e sobrevivência.

Também ajuda no desenvolvimento das habilidades necessárias para alcançar a meta e o objetivo na forma de destino.

13 – Viaje sozinho para descobrir

Viajar não é apenas mudar de um lugar para outro, é testemunhar a autenticidade da vida, onde as pessoas busca a felicidade em pequenas coisas para compensar problemas maiores.

É mais sobre descobrir vidas dispersas que são de natureza contraditória, comunicando-se com os locais e experimentando-as praticamente.

12 – Viajar sozinho é um compromisso consigo mesmo

Viajar sozinho é como entrar em um relacionamento consigo mesmo em uma jornada de aventura, amor e compromisso nas melhores e piores situações.

Então você deve ser gentil, confiante, comprometido, honesto e atencioso para seguir em frente sem deixar parte de você para trás. Haverá um momento em que você deseja terminar, mas deve resolver os problemas e resistir para ter sucesso.

11 – Viajar sozinho é como um esporte para jovens

Viajar é um esporte juvenil. Não! Não interprete mal, não é apenas para a geração jovem, porque ela não possui critérios para nenhuma faixa etária ou gênero.

Significa simplesmente que viajar mantém você jovem, selvagem e louco para sempre. Cura sua alma e mantém você mental e fisicamente saudável também.

10 – Viagem solo ajuda na cura

Viajar sozinho ajuda a desintoxicar o estresse e a negatividade desnecessários que o incomodam há algum tempo.

Publicidade

9 – Quando viajar sozinho?

Supões-se que tudo tenha o momento certo para a execução, mas viajar sozinho não escolhe nenhum momento ou estação em particular, seja verão ou inverno. Viaje quando tiver vontade de explorar, aprender, conhecer e reivindicar a beleza da vida em todo o mundo.

No entanto, para aumentar o prazer, o inverno é a melhor opção para aumentar seu nível de emoção com atividades como:

  • Ir esquiar
  • Patinar no gelo
  • Praticar esqui alpino
  • Fazer um boneco de neve
  • Construir um forte de neve
  • Fazer uma caminhada de inverno
  • Jogar hóquei na lagoa
  • Ter uma briga de bola de neve com estranhos
  • Observar as estrelas
  • Vá pescar no gelo

8 – Para onde viajar sozinho?

Há muitos lugares bonitos e aventureiros para viajar sozinho, que curarão sua alma de todas as feridas com sua energia ao vento, calor no solo e excitação nas colinas.

Portanto, escolha um destino com base no seu interesse, razão, propósito e desejo de experimentar uma variedade de atividades antes de morrer. O que pode incluir:

  1. Passar uma ou duas noites em uma tenda nômade épica no Saara
  2. Relaxe na lagoa azul da Islândia e pinte o seu rosto com sua lama de sílica
  3. Relaxe em Pamukkale, onde terraços brancos e brilhantes são preenchidos com águas mornas e ricas em minerais.
  4. Experimente a Capadócia em um balão de ar quenta
  5. Perca a cabeça enquanto olha para o céu para ver a aurora boreal na Islândia
  6. Ama a neve? Ou quer tentar esquiar ou praticar snowboard? Vá para Bansko.
  7. Tome uma dose de vodka ou dance loucamente na Rússia
  8. Bulgária para experimentar o que uma estação de esqui tem a oferecer

7 – Pesquise sobre seus destinos

Para viajar, você precisa de um plano e, para isso, precisa de um conhecimento aprofundado sobre vários destinos para viagens que correspondam à sua área de interesse, às condições climáticas, aos pontos turísticos populares para visitar, às instalações de descanso disponíveis e o momento perfeito para viajar.

A internet desempenha um papel importante aqui, porque você pode perguntar sobre qualquer coisa, em qualquer lugar, a qualquer momento, para manter sua agenda completa e atualizada.  O que pode funcionar como um lembrete para ajudá-lo a evitar desperdício de tempo e esforços, mencionando claramente um planejamento dia-a-dia em um pedaço de papel.

6 – Planeje sua viagem

Dê uma olhada no relatório de pesquisa e planeje sua viagem de acordo, escolhendo o meio de transporte certo, para não ter pressa, mas também considerar uma jornada cheia de alegria e lembranças com as quais contar mais tarde.

As vias aéreas são rápidas e você tem a oportunidade de testemunhas a belezas da natureza do topo, ótimo para sonhar acordado e chegar ao destino mais cedo. As ferrovias são interessantes e melhores para viajar em um mesmo país, pois oferecem chuva, vento e velocidade para reabastecer seu cérebro com novos pensamentos.

5 – Tenha um propósito

Todos vocês já devem ter ouvido histórias sobre viajantes solitários, às vezes concluindo que todos são iguais. Bem, viajantes tem em comum o fato de que são pessoas que gostam de ver o mundo, muitos tem destino programado e estabelecem metas para viajar com antecedência para esses lugares.

Os andarilhos, tem muito em comum com os viajantes, eles sempre buscam novos lugares. Mas possuem objetivos diferentes e que vão além de apenas visitar lugares diversos. Os andarilhos não tem um destino fixo, são diferentes dos viajantes.

Ao valor sobre viajar, é comum encontrar  termos como “vagabundo”, utilizados para definir aqueles que vêem o mundo com diferentes perspectivas, que no geral são muito positivas e práticas, trata-se de um termo estigmatizante.

Já que esses viajantes viajam porque isso os faz felizes, a energia do vento lhas dá algum tipo de vibração para se sentir confiante em relação ao presente, em vez de se estressar com o passado ou o futuro, agradecer pelo que tem e ser modesto e não ganancioso. O objetivo é explorar vontades e desejos, e não apenas sobreviver.

4 – Cuidar do orçamento

Você pode ser um viajante de sucesso sem orçamento?

Não é possível levar sua paixão adiante sem capitalizá-la nos negócios, se você quiser segui-la como sua carreira, porque a ideia completa de viajar de um lugar para outro exige um orçamento para a utilização ideal de recursos financeiros e naturais, como transporte, descanso, comida etc.

Um orçamento sempre deve fazer parte do plano. Você pode gastar todo o seu dinheiro de uma só vez, para experimentar as paisagens mais felizes do mundo por um período específico – então é apenas um hobby.

Mas se você deseja seguir a viagem como uma carreira, deve manter esse zelo vivo por toda a vida e decidir manter seu site de viagem ativo e atualizado.

3 – Escolha o seu destino

Todos os destinos populares têm algo especial e único que pode estar relacionado à sua natureza, clima, atmosfera, atividades e pontos turísticos.

A maioria de nós gosta de viajar no inverno para suportar as sensações da brisa fria, enquanto viajantes hardcore preferem aventura e é por isso que eles podem preferir monções.

2 – Crie seu blog em uma rede social

Uma rede social atua como o melhor meio para alcançar milhões de pessoas e motivar os jovens.

1 – Viagem

Organize seus itens: roupas, cosméticos, calçados e mercearia sistematicamente, sendo as coisas mais necessárias no topo. Não se esqueça de manter uma mini bolsa cheia de escova de dentes, pente, desinfetante de bolso e balas de hortelã e chocolates para manter seu humor fresco, o que pode ajudá-lo a admirar a beleza da natureza (árvores, montanhas, animais, represas, mares etc.) enquanto viaja em ônibus e carro.

Então, quando você se sentir mal e precisar de uma pausa, considere uma viagem só!

Via: The Popple (adaptado)

Publicidade

Share