Lembra-se do bebê que nasceu sem uma parte do cérebro? Veja como ele está hoje:

0 1.171

Publicidade

Os jovens Brandon e Brittany assim que se conheceram, fora amor à primeira vista. Eles tinham muito em comum e ambos desejavam muito ter um filho. Então, depois de se casarem, Brittany logo ficou grávida, e descobriram que teriam um menino. No mesmo dia em que receberam esta linda notícia, ficaram sabendo que seu filho estava enfrentando um diagnóstico que ameaçava tirar sua vida. Eles enfrentaram todos os obstáculos possível e dizem que o amor foi o responsável pelo exito que tiveram. E em 27 de agosto de 2017, Jaxon e sua família comemoraram seu terceiro aniversário.

Publicidade

“[Os Médicos] não podem nos dizer o que o futuro detém”, explicou Brandon Buell. “Mesmo que ele tenha perdido 80% de seu cérebro, ele é tão forte como qualquer outra criança. Nós estamos tão orgulhosos dele. Ele é um garotinho bastante forte, como foi desde o início”.

Durante a gravidez, a forma e o tamanho da cabeça de Jaxon começaram a causar alguma preocupação, e enquanto os médicos não tinham um diagnóstico exato para ele, eles aconselharam os novos pais a abortar.

Brittany fez todos os exames e foram para casa discutir a situação, arrasados. Brittany tinha 23 semanas de gravidez e o casal contou que eles tinham uma semana para decidir se queriam fazer ou não um aborto.

“Algo dentro de mim, quase como se estivesse vindo de Jaxon, estava me dizendo para não desistir”, explicou Brandon.

Brandon Buell

Os médicos disseram ao casal que Jaxon poderia não sobreviver à gravidez e, se o fizesse, poderia morrer no nascimento. Mas desde o início, ele provou ser um lutador. Depois que Jaxon nasceu, ele foi diagnosticado com lisencefalia, um distúrbio neurológico raro, o que significa que o cérebro não tem formas, dobras e curvas que deveria ter. Algumas pessoas com a mesma condição morrem cedo, mas algumas sobrevivem.

As primeiras três semanas da vida de Jaxon foram gastas nos cuidados intensivos no neonatal. Quando ele foi liberado do hospital, os médicos disseram a seus pais para simplesmente mantê-lo confortável porque eles não acreditavam que ele viveria por muito tempo.

Eles disseram que ele provavelmente ficaria cego ou surdo, nunca andaria nem conversaria, mas o garoto superou todas as expectativas.

Brandon Buell

A história de Jaxon se espalhou por todo o mundo e um vídeo dele dizendo “hello” foi viral. Ele tocou inúmeras vidas com seu sorriso adorável e seus grandes olhos azuis. Sua história prova que a vida é sempre valiosa e vale a pena ser vivida. Seu pai, Brandon, começou a dar palestras pró-vida, trabalhando tanto no Conselho de Pesquisa Familiar quanto com o Comitê Nacional de Direito à Vida.

Enquanto Brandon trabalha para ajudar a salvar fetos que enfrentam o diagnóstico pré-natal de serem mortos através do aborto, Jaxon está trabalhando para cumprir alguns marcos. Ele frequenta terapia física e ocupacional e está trabalhando no uso de sua chupeta, o que o ajudará a se aproximar de seu objetivo de poder comer por via oral. Ele trocou tubos de alimentação – um tubo G para um tubo G-J este ano, e conseguiu ganhar peso de forma mais constante.

Ele não teve que ser hospitalizado há um bom tempo. Um pequeno e verdadeiro guerreiro.

Fonte: [UnoViral]

Publicidade